Fundação Renova

Convocação “Rede de Sementes e Mudas da bacia do rio Doce”


Edital para divulgar e mobilizar interessados em fazer parte da Rede nas atividades de coleta de sementes e/ou produção de mudas

A REDE DE SEMENTES

A Rede de Sementes e Mudas da Bacia do Rio Doce é uma iniciativa da Fundação Renova em parceria com o Centro de Pesquisas do Nordeste – CEPAN (coordenador técnico), com a colaboração da Universidade Federal de São Carlos – UFSCar e da Associação Rede de Sementes do Xingu – ARSX, para promover a reparação e a compensação dos danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão, no município de Mariana, em 2015.

As redes de sementes e mudas têm o papel estratégico de mobilizar atores sociais envolvidos dentro das atividades de coleta de sementes e produção de mudas, gerando oportunidades econômicas para o atendimento das demandas de restauração florestal. De maneira adicional, o projeto pretende trabalhar a figura do coletor de sementes, apresentando mais uma possível atividade laboral para os futuros integrantes da rede, e consolidar na Bacia do Rio Doce mais uma opção de metodologia de recuperação de áreas degradadas que é a semeadura direta, a qual possui o potencial de redução de custos e ganho de escala para a restauração florestal.

O projeto ajudará no alcance da missão de restaurar 5 mil nascentes e 40 mil hectares de APPs, sendo inserido especialmente nas áreas onde estão sendo desenvolvidos os Programa de Recuperação de Nascentes, Áreas de Preservação Permanente (APP) e de recarga hídrica da Fundação Renova. Com a grande demanda de sementes e mudas para esses programas, visando recuperar a bacia do rio Doce, esse projeto tem o objetivo de criar e incubar uma rede que movimente a cadeia de fornecimento de sementes e mudas de forma que a Fundação Renova possa sair do cenário após o processo de recuperação e deixar essa iniciativa como um legado. A proposta é que a Rede possa vender sementes não só para a Fundação Renova, mas, também, para compradores de outros Estados do Brasil com abrangência do bioma Mata Atlântica e fitofisionomias associadas.

SOBRE O EDITAL

O objetivo deste edital foi divulgar a iniciativa da Rede de Sementes e Mudas da Bacia do Rio Doce (REDE) e mobilizar interessados na região, que queiram se candidatar a fazer parte da REDE e participar das atividades de desenvolvimento de capacidades e fortalecimento desse coletivo que atuará em prol da restauração florestal da Bacia do Rio Doce.

O número de participantes é determinado por meio da relação de oferta e demanda de sementes e mudas estabelecida anualmente por parte dos demandadores de insumos de restauração parceiros da REDE, além da identificação de grupos-chave para atuação na iniciativa. Para além da demanda de sementes e mudas, é esperado que os selecionados filiem-se à REDE através de um termo de adesão a ser disponibilizado por meio da equipe executora do projeto.

A equipe técnica da Rede se reserva o direto de convocar um ou mais participantes que julgar estratégico tendo em vista os objetivos do projeto e a distribuição espacial da demanda de plantio. Os candidatos não convocados constarão no cadastro de reserva.

As tabelas a seguir indicam os indivíduos e grupos inscritos separados por inserção (dentro ou fora dos limites geográficos da Bacia) na bacia e categorizados em atingidos diretamente pelo rompimento da barragem

Serão priorizados aqueles interessados ou grupos que estão localizados na área de abrangência da bacia do Rio Doce. Os inscritos de fora da bacia serão contatados para fornecimento de insumos quando forem esgotados os insumos fornecidos de dentro da bacia, e a depender da demanda e localidade.

Grupos selecionados para esta primeira fase: Aitupiapabra e Grupo Tupiguá – Aracruz/ES, Comunidade Remanescente de Quilombo do Degredo – Linhares/ES, Sementes do Bem- Ervália/MG, Flora Sul da Serra do Brigadeiro – Ervália/MG e Gente que Planta – Santa Bárbara/MG. Clique aqui e confira a lista de propostas aprovadas.

ENTIDADES RESPONSÁVEIS

Fundação Renova

A Fundação é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos, constituída com o exclusivo propósito de gerir e executar, com autonomia técnica, administrativa e financeira, os programas e ações de reparação e compensação socioeconômica e socioambiental para recuperar, remediar e reparar os impactos gerados a partir do rompimento da Barragem de Fundão, com transparência, legitimidade e senso de urgência.

CEPAN

É uma associação de direito privado, de caráter conservacionista - ambiental, social e cultural -, sem fins econômicos, fundada no ano 2000 por professores-pesquisadores e alunos de pós-graduação da Universidade Federal de Pernambuco-UFPE interessados em promover e apoiar a defesa, preservação, conservação do meio ambiente, além da promoção do desenvolvimento sustentável dos biomas brasileiros, gerando e divulgando soluções estratégicas para a conservação da biodiversidade mediante ciência, formação de recursos humanos e diálogo com a sociedade. www.cepan.org.br

Deixe seu comentário