Fundação Renova

Empreendedorismo como ferramenta de transformação

Publicado em: 05/09/2018

Parcerias Institucionais

Convênio entre Fundação Renova e BrazilFoundation vai gerar alternativas socioeconômicas ao longo da bacia do rio Doce

 

A BrazilFoundation, organização filantrópica pioneira que trabalha há 18 anos fazendo a ponte entre doadores e organizações para promover igualdade, justiça social e mais oportunidade, vai atuar como parceira em importantes iniciativas da reparação econômica de comunidades da bacia do rio Doce.

O projeto vai buscar ONGs que estejam engajadas em transformar a realidade social no Brasil e que atuem em diferentes frentes do empreendedorismo para gerar um ecossistema saudável de desenvolvimento socioeconômico na região.

Convênio entre Fundação Renova e BrazilFoundation pretende fortalecer o empreendedorismo local ao longo do rio Doce | Foto: Nitro Imagens

Os objetivos desse convênio serão aplicados entre os municípios de Sem Peixe, em Minas Gerais, e Baixo Guandu, no Espírito Santo. O convênio terá duração de dois anos e vai trabalhar com três objetivos principais:

  • mapeamento;
  • seleção de projetos;
  • capacitação.

O primeiro momento, de mapeamento e diagnóstico do contexto socioeconômico, será feito por meio de diálogos com organizações sociais e pequenos negócios locais. A intenção é identificar os desafios, as expectativas e as necessidades de cada região.

Depois, é hora de identificar e selecionar os projetos apresentados. A princípio, 15 projetos vão receber investimentos por 12 meses — mas esse número pode crescer. No primeiro ano, o investimento total é de R$ 620 mil. Já para o segundo ano, serão disponibilizados R$ 580 mil.

Por último, chegará o momento de capacitar lideranças e equipes das organizações para que desenvolvam habilidades fundamentais, como gestão financeira, comunicação, marketing, precificação e acesso ao mercado. Essa ação terá o apoio da Fa.Vela, aceleradora especializada em formação empreendedora para populações em situação de vulnerabilidade socioeconômica, e está prevista para acontecer em dois ciclos, um em cada ano.

Deixe seu comentário