Fundação Renova

Campeonato de surf leva cerca de 5 mil pessoas à praia de Pontal do Ipiranga (ES)

Publicado em: 23/07/2018

Turismo e lazer

A terceira e última etapa do Circuito Tríplice Coroa Quebra Onda de Surf vai acontecer em Regência, em outubro

O fim de semana de sol forte e altas ondas movimentou a praia de Pontal do Ipiranga (ES) na segunda etapa do Circuito Tríplice Coroa Quebra Onda de Surf. De acordo com a Associação de Surf de Linhares (ASL), organizadora da competição, cerca de 5 mil pessoas passaram pelas areias de Pontal nos três dias de eventos.

A final, realizada no domingo (22), encerrou os dias de confraternização do esporte, com a presença de atletas da elite brasileira, ídolos locais e surfistas da nova geração, misturados aos turistas e moradores da região.

O Circuito vale 3 mil pontos para o ranking da Abrasp e também para o circuito estadual, além de uma premiação total de R$ 30 mil por etapa. | Foto: Divulgação

Rodrigo Venturini, presidente da ASL, comemorou o êxito da segunda etapa do circuito: “O evento foi um sucesso, com presença de grande público e a participação de cerca de 100 atletas em quatro categorias. Hoje, Linhares está ficando conhecida nacionalmente no surf brasileiro. Para a comunidade, também está sendo excelente.

Cecília Bonaparte, da Associação de Moradores de Pontal do Ipiranga, também aprovou a competição: “A associação gostou muito desse evento. Moro aqui há 11 anos e, se não tivesse esse campeonato no fim de semana, o movimento seria muito baixo. Os comerciantes estão animados, muitos já comentaram comigo e pediram para que sejam feitos mais eventos como esse no Pontal”.

O torneio deu espaço para atletas da casa, como foi o caso de Benito Dagostini, surfista de Linhares, campeão na categoria Regional: “O fomento é bem grande, para voltar a gerar economia no local, que foi muito afetada. Competir em casa, com a família na torcida, é bom demais. Fico feliz em ter conseguido ganhar essa etapa.”

O Circuito Tríplice Coroa Quebra Onda de Surf vale 3 mil pontos para o ranking da Associação Brasileira de Surf Profissional (Abrasp) e também para o circuito estadual, parceria com a Federação de Surf do Espírito Santo (Fesurf). Os atletas disputam ainda a premiação total de R$ 30 mil por etapa.

E foi exatamente isso que atraiu o campeão profissional Hizunomê Bettero para a etapa de Pontal: “Esse campeonato hoje é um dos mais importantes do Brasil. Por isso, eu saí de Ubatuba (litoral norte de São Paulo) para buscar esses pontos, que são superimportantes para o circuito brasileiro. E tem a premiação financeira, que ajuda muito na participação nas próximas etapas”.

Competição faz parte de ações para retomar o turismo

O evento é organizado pela Associação de Surf de Linhares (ASL) e pela prefeitura do município, em parceria com a Fundação Renova, que, por meio do Programa de Turismo, Cultura, Esporte e Lazer, promove ações para fomentar a retomada da atividade turística na região da foz do rio Doce, a fim de gerar renda e oportunidades para as comunidades locais.

Para a analista da Fundação Renova, Érika Carvalho, o balanço do evento foi muito positivo:  “Nosso objetivo é movimentar o turismo na região da foz, ter a oportunidade de geração de renda para as comunidades locais e também a retomada da prática do surf, que aqui é muito forte. A primeira etapa já havia nos surpreendido em Povoação, e a gente tinha uma expectativa maior ainda para a segunda, por Pontal ter mais facilidade de acesso. O saldo foi superpositivo, com muita gente participando e vendas acima das expectativas no comércio. O objetivo foi alcançado”.

A terceira e última etapa do Circuito Tríplice Coroa Quebra Onda de Surf vai acontecer em Regência (ES), em outubro.

Veja os resultados da etapa de Pontal do Ipiranga:

Categoria Regional

1° Benito Dagostini

2° Fabricio Fioroti

3° Marcelo Sampaio

4° Diego Alvarenga

Categoria Máster

1° Daniel Ortiz

2° Fabricio Viaggi

3° Deyvison Ferreira

4° Fabiano Rosa

Categoria Open

1° Luiz Fernando Neiva

2° Deyvison Ferreira

3° Vicente Ferreira

4° Weverson Pessoti

Categoria Profissional

1° Hizunomê Bettero

2° Alandreson Martins

Deixe seu comentário